29 de julho de 2010

Pantera se dá mal na estreia contra o Fortaleza

Era preciso sair do empate, era preciso buscar três pontos. Com esse mesmo pensamento, São Raimundo e Fortaleza duelaram na noite de ontem no Colosso do Tapajós, mas a vitória não aceita divisões e foi para casa com os cearenses que respiraram aliviados com o primeiro triunfo na Série C, escrevendo 3 a 2 no placar de Santarém e liderando o grupo A com cinco pontos. Os dois times voltam a campo na quarta rodada, com o Fortaleza recebendo o Paysandu no dia 7 de agosto, um sábado, no Castelão, enquanto o São Raimundo vai até Rio Branco (AC) enfrentar o time de mesmo nome na Arena da Floresta, no dia seguinte, 8 de agosto.

O início do primeiro tempo chegou até a iludir a torcida alvinegra, que viu seu time sair na frente logo aos três minutos, com Soares cobrindo a barreira do tetracampeão cearense. Entretanto, o resultado de 1 a 0 não iria persistir, pois ainda nessa etapa o Fortaleza passou a tomar conta da situação e pressionar com Paulo Isidoro, que perdeu duas boas oportunidades, antes que André Leonel aproveitasse um cruzamento de Jeff Silva e empatasse aos 31 minutos, usando a cabeça. Daí em diante o que se viu foi o Leão do Ceará virar com Tatu e sair para o intervalo com 3 a 1, em mais um cabeceio certeiro de André Leonel.

Para a etapa final, o Pantera mostrou que não iria se entregar fácil e usou do mesmo artifício do rival, a cabeça, de Branco, que diminuiu a diferença. A torcida voltou a vibrar, mas 3 a 2 não era o suficiente, era preciso tentar o que fosse possível, e o técnico Valtinho colocou Marinelson para substituir Del Curuçá no ataque mocorongo, a esperança era dar gás ao time. A pressa do Mundico contrastava com o controle do Leão, que procurava fazer gols nos contra-ataques. Mesmo com uma atuação melhor que na primeira etapa, o São Raimundo não conseguiu transpor a barreira defensiva do esquema de Zé Teodoro e, agora, amarga a quarta posição na classificação do grupo A, com apenas 16,7% de aproveitamento. André Leonel, o destaque do jogo, é um dos vice-artilheiros do torneio, atrás apenas do bicolor Bruno Rangel, que já anotou três tentos em uma única apresentação do Paysandu até aqui. (Diário do Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário