18 de fevereiro de 2011

Porto de Santarém será reconstruído e ampliado

Eliseu Dias/Ag. PaClique na imagem para ampliar
"Esse estreitamento de relação é de extrema importância, pois o Pará é responsável por um grande saldo na balança comercial do país e investimentos dessa natureza são bem vindos", afirmou o governador Simão Jatene, ao ser informado que o porto de Santarém receberá investimentos de aproximadamente R$ 152 milhões pelo ministro-chefe da Secretaria Especial de Portos da Presidência da República, José Leônidas de Menezes Cristino, na tarde desta quinta-feira (17), no Palácio dos Despachos.
O governador, que ressaltou a importância de investimentos destinados ao desenvolvimento do Pará, recebeu a visita do ministro junto com o vice-governador Helenilson Pontes e outras autoridades.
Com o investimento, toda a área do porto de Santarém será reconstruída e ampliada. O ministro chefe também anunciou outros investimentos que serão realizados no Estado pelo governo federal, incluindo os portos de Belém e Vila do Conde (no município de Barcarena). "O objetivo é deixar a estrutura portuária do Pará preparada para a escoação de minério e tudo que o Estado disponibiliza para os mercados nacional e internacional", ressaltou.
Terminal - Segundo José Leônidas Cristino, estão sendo investidos cerca de R$ 105 milhões no porto da Vila do Conde, e já está pronto o projeto de construção de um terminal de grande porte, que deverá receber investimentos da iniciativa privada.
Na manhã desta quinta-feira ele esteve nas eclusas de Tucuruí. "Visualizei uma oportunidade extraordinária para viabilizar a navegação nessa área e, como haverá investimentos tanto do governo federal como da iniciativa privada nesse segmento, fui conhecer as eclusas", informou José Leônidas Cristino.
Também participaram da visita o secretário de Estado de Governo, Sérgio Leão; o secretário de Estado de Transportes, Francisco das Chagas Melo; o secretário de Estado de Integração Regional, Antônio José Guimarães; o chefe da Casa Civil, Zenaldo Coutinho; o presidente da Companhia de Portos e Hidrovias, Abraão Benassuly; o senador Flexa Ribeiro e o deputado estadual Cássio Andrade.
Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário