1 de fevereiro de 2011

PT apoia Pioneiro e ganha cargo na Mesa

Então é isso.

Habemus consenso.
Habemus acordos.
Melhor para o deputado Manoel Pioneiro (PSDB), que deverá ser eleito hoje presidente da Assembleia Legislativa, que se reúne a partir das 9h, quando também terá início oficialmente a nova legislatura.
Pioneiro só não será eleito presidente por aclamação porque o psolista Edmilson Rodrigues votará contra ou votará em branco.
Pioneiro terá apoio da PT?
Até do PT.
Ontem à noite, o líder da bancada petista, Carlos Bordalo (na foto), confirmou ao blog que os petistas fecharam com o tucano.
E terão representantes na Mesa.
Valdir Ganzer será o segundo vice-presidente da Casa.
O PT estava decidido em apoiar Martinho Carmona (PMDB), conforme o próprio Bordalo adiantou em entrevista exclusiva ao Espaço Aberto.
Mar Camona, como já era previsível, pulou fora.
O PT ficou, então, entre duas alternativas.
A primeira: lançar um canididato de oposição.
A segunda: apoiar Pioneiro, dentro de negociações que revertessem em favor da própria Assembleia.
A bancada petista optou pela segunda alternativa.
Os petistas apresentaram suas condições para apoiar o tucano: garantir a proporcionalidade na Mesa e nas comissões técnicas, fazer uma reforma no Regimento Interno, democratizar a pauta e interiorizar os trabalhos da Assembleia.
Pioneiro topou. E terá, com isso, o apoio petista.
"Negociamos tudo da forma mais transparente possível, tendo como objetivo, sempre, a valorização do Poder Legislativo. Mas ninguém confunda as coisas: nossa abertura ao diálogo para a eleição da Mesa não significa que abriremos mão de fazer uma oposição vigilante, republicana e atuante do governo Simão Jatene", avisou Bordalo.
(Espaço Aberto)

Nenhum comentário:

Postar um comentário