25 de fevereiro de 2011

Sagri discute mudanças para o Frutal Amazônia e Flor Pará 2011

Um novo formato para o Frutal Amazônia e Flor Pará começou a ser discutido nesta quinta-feira (24), em reunião na Secretaria de Estado de Agricultura. As feiras de flores e frutas, que já fazem parte do calendário agrícola nacional, passarão por mudanças que vão destacar ainda mais a sua importância como o maior evento do agronegócio da região Norte.

O Secretário Estadual de Agricultura, Hildegardo Nunes, pretende reunir num só evento todo o setor agropecuário regional, dando maior dimensão e visibilidade aos negócios dos grandes e pequenos produtores, com destaque para a agricultura familiar. A programação técnica dará mais ênfase aos cursos de capacitação dos produtores e terá ainda o Encontro de Secretários Municipais de Agricultura.

O presidente do Instituto Frutal informou que a divulgação do evento cresce a cada ano em importância e destaca o Pará no mercado internacional por meio do nome Amazônia. A marca desperta um grande interesse nos países europeus e dos Estados Unidos, atraídos pelos produtos exóticos da região. Este é o sexto ano de realização do Frutal Amazônia em conjunto com o Flor Pará. A exposição de flores acontece há 11 anos.
A reunião na Sagri reuniu o secretário Hildegardo Nunes e o presidente do Instituto Frutal Euvaldo Bringel, com a participação da secretária adjunta da Sagri, Eliana Zaca, a gerente de floricultura Dulcimar Melo e o técnico de fruticultura Geraldo Tavares. Uma nova reunião está programada para depois do Carnaval, com o objetivo de começar a definir a nova formatação do Frutal Amazônia e Flor Pará 2011.
Leni Sampaio - Ascom/Sagri

Nenhum comentário:

Postar um comentário