13 de fevereiro de 2012

Estádio de Marabá não será interditado



O diretor da FPF, Paulo Romano (acima, discutindo com o preparador físico do Águia, Roberto Ramalho), que esteve no estádio Zinho Oliveira acompanhando o jogo entre Águia e Remo, esclareceu que os tumultos ocorridos entre jogadores e representantes das comissões técnicas não constituem motivo legal para a interdição do estádio marabaense. Isto só ocorreria se houvesse invasão de campo por torcedores ou acidentes que afetassem a estrutura do estádio. Como todos os envolvidos na confusão estavam autorizados a ficar dentro da área de jogo, o Zinho Oliveira não sofrerá qualquer sanção. (Foto: MÁRIO QUADROS/Bola)

Um comentário:

  1. Isso é piada! se fosse em Santarém no Barbalhão com toda certeza o estádio seria interditado.
    Como em Marabá tem peso politíco do: Ferreirinha (que não deixa ninguém passar por cima dele) e o prefeito Maurino que briga pelo time Águia.

    ResponderExcluir