23 de abril de 2012

Bragança perdeu também para tecnologia

image Bragança perdeu de três a um para Prudentópolis, cidade paranaense, a disputa do quadro “Dança da Galera”, do programa Domingão do Faustão. Bragança estava mais animada, tinha uma boa coreografia e dançou muito melhor que Prudentópolis, perdeu por quê?
A disputa foi desigual em todos os sentidos previstos nas regras. A música da Calypso disputou com Roberto Carlos, ganhar do Rei da Música popular brasileira é quase impossível. O Paraná tem 10 milhões de habitantes e o Pará tem 7 milhões, são três milhões a mais e o Paraná, pela próximidade e história, recebe ajuda do estado de São Paulo.
O Paraná e as regiões sul e sudeste tem mais gente conectada na Internet e telefonia móvel, que o Norte, portanto a chance de sermos derrotados nas votações eletrônicas era previsível.
E o público do Domingão, que votou em Prudentópolis, é majoritariamente do sudeste.
Seria mais justo disputarmos com um município da nossa região ou do nordeste. Acredito, porém, que a participação e a divulgação que Bragança e o Pará obtiveram foi a premiação melhor. Um aspecto para lá de positivo, o quadro dança da galera estímula a sociedade conhecer sua verdadeira força de articulação e provar que pode, independente da tutela de politicos carcomidos pelo tempo de mandato.
Uma lição. Temos povo, cultura, riqueza, garra, história, mas ainda somos carentes de acesso as novas tecnologias.
Blog do Zé Carlos

Um comentário:

  1. concordo plenamente... mas se dependesse apenas do que foi apresentado ainda assim a outra cidade se apresentou melhor

    ResponderExcluir