30 de setembro de 2012

ELEIÇÕES 2012: MINISTRO DA SAÚDE USA PISTA DE AERÓDROMO INTERDITADO!




O ministro Alexandre Padinha, ao saltar de aeronave
 em aeroporto interditado,
 em Monte Alegre, na manhã de hoje



Definitivamente, vale tudo para se tentar
 ganhar uma eleição, pelo menos sob a ótica petista.

Em Monte Alegre, o ministro da Saúde Alexandre Padilha foi à cidade e fez uso da pista do aeródromo local que está interditado desde abril de 2010. 

O fato aconteceu na manhã de hoje. Padilha foi à cidade pinta-cuia acompanhado de próceres petistas regionais - entre eles o ex-deputado Carlos Martins, irmão da atual prefeita de Santarém - para participar de evento eleitoral em prol do candidato petista local à Prefeitura, Sérgio Monteiro.

Interditado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) por problemas de segurança nas operações, o aeródromo é de responsabilidade da Secretaria de Estado de Transporte (Setran). Desde então, operações de pouso e decolagens estão proibidas nele, mas o fato foi ignorado pelo piloto da aeronave, pelo PT e pelo próprio ministro. A restrição se impõe mesmo diante de emergências, como nos casos de resgate de acidentados ou de pacientes em estado grave. 

Mas os pilotos que operam na região do Baixo Amazonas - e, agora, também o PT - sabem como enganar o controle aéreo: eles registram o vôo tendo como destino uma das cidades da margem esquerda do rio Amazonas - Prainha, por exemplo, que tem apenas uma pista de chão.

Diante do flagrante desrespeito à proibição da Anac, o que vai acontecer? Que providências serão tomadas pela agência? O que poderá acontecer com o ministro da Saúde?

Fonte: Blog do Piteira

CAMINHADA DA CARAVANA DO 45

Neste sábado (29/09) a candidata a vice prefeita Professora Maria José Maia juntamente com os candidatos a vereadores da coligação Santarém Sustentável e toda caravana do 45 estiveram caminhando nas principais ruas do centro da cidade de Santarém.











40,2% x 20,5%: Alexandre Von tem 19,7% de vantagem sobre Lucineide.



Clique na imagem acima para ampliar.

Fonte: Blog do Estado do Tapajós

24 de setembro de 2012

Nova pesquisa BMP: Von tem 39,4% e Lucineide 23,3%



A menos de 15 dias das eleições para a prefeitura de Santarém o candidato Alexandre Von (PSDB) lidera com uma vantagem de 16,1% de votos sobre a segunda colocada Lucineide Pinheiro(PT). É o que aponta a segunda pesquisa BMP, contratada por O Estado do Tapajós e registrada perante à Justiça Eleitoral sob o número PA-00161/2012. Na pesquisa estimulada, Alexandre Von obteve 39,4% das intenções de voto, Lucineide Pinheiro aparece cteve 23,3%, José Maria Tapajós (PMDB) aparece em terceiro com 13,8%, Márcio Pinto(PSOL) obteve 5,2% e Rubson Santana(PSC) 4,5%. Indecisos/não sabe somam 11,3%. Abstenção/branco/nulo atingem 2,2%.

22 de setembro de 2012

PROFESSORA RAIMUNDA SIQUEIRA - DESCANSE EM PAZ

Professora Raimunda com suas filhas Érica e Othmara

Professora Raimunda com suas irmãs Nonata, Alcirema e Isaura

Professora Raimunda com seus netos

Professora Raimunda com o amigo Richard

Sua partida deixou uma eterna saudade

Saudade de sua presença ao nosso lado 
Momentos de felicidade que passamos 



A despedida foi repentina e sem volta
Hoje você esta na companhia de Deus
E vive em nossas lembranças com amor 



A saudade maltrata, pois sua falta dói
Apesar dessa falta sei que estas bem
Sei que você alcançou a paz eterna



Um dia nos encontraremos novamente e
Essa saudade que hoje me faz chorar
No momento desse reencontro sei
Que nossas almas serão pura felicidade. 

18 de setembro de 2012

Ibope divulga intenções de votos em Santarém


O candidato do PSDB, Alexandre Von lidera a corrida pela prefeitura de Santarém com 39% das intenções de votos. Em segundo lugar está a candidata do PT Raimunda Lucineide Pinheiro, com 27%. José Maria Tapajós do PMDB é o terceiro colocado, com 13% das intenções de voto. Márcio Pinto (PSol) e Rubson Santana (PSC) têm 8% e 5% respectivamente. Eleitores que disseram que vão votar em branco ou nulo somaram 2% dos entrevistados. O percentual dos que disseram não saber em quem vão votar ou se recusaram a responder foi de 6%. Os dados são da pesquisa estimulada (onde os nomes dos candidatos são apresentados aos entrevistados) feita pelo Ibope no período de 12 a 14 de setembro. Foram ouvidos 406 eleitores no município e a margem de erro é de cinco pontos para mais e para menos. 
Na pesquisa espontânea (aquela em que o entrevistado precisa lembrar do nome do candidato) Von tem 38% contra 26% de Lucineide e 12% de José Maria Tapajós. Márcio Pinto e Rubson Santana foram lembrados por 7% e 5% dos entrevistados, respectivamente. Os brancos e nulos, nesse caso, chegam a 3% e os que disseram não saber ou preferiram não responder somaram 10%.
A pesquisa avaliou ainda a atual administração da prefeita Maria do Carmo Martins do PT. Ela foi considerada ótima ou boa por 31% dos entrevistados e regular por 39%. Para 31% o governo de Maria do Carmo foi ruim ou péssimo. O governador Simão Jatene também foi avaliado no município. A administração do Estado foi considerada boa ou ótima por 34% dos entrevistados. Para 38% ela é regular e para 26%, ruim ou péssima. Três por cento dos entrevistados não responderam. A administração da presidente Dilma Rousseff foi considerada boa ou ótima por 61% dos pesquisados. Para 29% ela é regular e 8% disseram que a administração federal é ruim ou péssima.
A pesquisa procurou levantar ainda os maiores problemas da cidade na opinião dos eleitores. O calçamento/pavimentação de ruas apareceu em primeiro lugar, citado por 50% dos entrevistados. Saúde (49%) e educação (24%) foram o segundo e terceiro problema mais lembrados. Geração de emprego, abastecimento de água e rede de esgoto foram citados por 22%, 19% e 17% dos entrevistados, respectivamente. 
A pesquisa foi contratada pelo DIÁRIO DO PARÁ registrada no TRE-PA sob o protocolo n° PA-00119/2012.
(Diário do Pará)

17 de setembro de 2012

RENOVE A CONFIANÇA - VOTE 25 800 - ERASMO MAIA

O vereador e candidato a reeleição Erasmo Maia - 25800 esteve caminhando nos bairros da Cohab e Diamantino na tarde desta segunda feira (17/09), juntamente com o candidato a prefeito Alexandre Von e a professora Maria José Maia vice e toda a caravana da Coligação "Santarém Sustentável".





MENSALÃO: "NÃO HÁ QUALQER DÚVIDA DE COMPRA DE VOTO", AFIRMOU RELATOR


"Há várias provas de reuniões mantidas nos interessados no apoio. Não vislumbro qualquer deficiência probatória quanto a esse crime", disse Joaquim Barbosa

Relator do processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Joaquim Barbosa afirmou, nesta segunda-feira, que "não há qualquer dúvida de compra de votos a essa altura do julgamento". Ele disse ainda que a revelação do mensalão feita por Roberto Jefferson à Folha, em 2005, estava distante de "mera vingança política".

Barbosa começou hoje seu voto sobre o núcleo político e avalia a compra de votos para a composição da base de apoio ao governo Lula (2003-2010), o mensalão propriamente dito.

"Não havendo qualquer dúvida de compra de voto a essa altura do julgamento. Há várias provas de reuniões mantidas nos interessados no apoio, de tarefas distribuídas, não vislumbro qualquer deficiência probatória quanto a esse crime", disse.

O relator apontou que, desde 2003, o mensalão "já era alvo de comentários no Congresso" e "que as provas [dos autos] comprovam isso". O ministro rejeitou a tese das defesas dos réus de que houve apenas caixa dois de campanha. Para Barbosa, isso não enfraquece o esquema.

"Essa versão não interfere na caracterização [do crime] já que ajuda de campanha também configura vantagem indevida por influência em atos de interesse dos corruptores", disse.

O relator rebateu indiretamente fala do ex-presidente Lula e argumentos dos advogados de que o mensalão era invenção.

"Apesar das defesas afirmarem que o mensalão foi invenção de Jefferson para se defender de propinas nos Correios, percebemos que as acusações feitas pelo ex-parlamentar estão distantes da mera vingança política, embora essa tenha sido a sua motivação inicial", afirmou.

O relator desqualificou as defesas apresentadas pelos réus que negam a compra de apoio.

16 de setembro de 2012

MENSALÃO: VALÉRIO DIZ QUE LULA SABIA DE TUDO, ELE SERIA "O CHEFE"



"Não podem condenar apenas os mequetrefes. Só nao sobrou para  Lula porque eu, o Delúbio e o Zé não falamos", disse Marcos Valério

A oposição fará uma reunião, na próxima terça-feira, para decidir se ingressa em conjunto ou separadamente com pedido de investigação sobre a suposta participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no mensalão.

A ação terá como base reportagem da "Veja" na qual é atribuído a Marcos Valério, operador do mensalão, a revelação de que Lula era o "chefe" do esquema que teria desviado, segundo a revista, R$ 350 milhões. Como o ex-presidente Lula não tem mais foro privilegiado, se aberta, a investigação deve ocorrer na primeira instância do Ministério Público Federal.

A iniciativa também pode partir dos próprios procuradores, sem a necessidade de serem provocados pela oposição. "É dever do Ministério Público, diante de uma denúncia crime, que é o caso da reportagem, abrir processo", afirma o presidente nacional do PPS, deputado federal Roberto Freire (SP).

Durante a CPI (2005-2006) que investigou o mensalão, a oposição não incluiu o então presidente Lula entre os alvos.

Para ler mais, http://www1.folha.uol.com.br/poder/1154481-oposicao-quer-a-abertura-de-investigacao-contra-lula.shtml  

Sairé em foco

Praça do Sairé - Alter do Chão

Josiane com Eugênia técnica do PRO PAZ Belém
Júlia, Major Tito do Corpo de Bombeiros e Josiane Maia

Josiane Maia com Aliete Pereira - PRO PAZ Santarém

Advogadas Josiane Maia e Alberta Riker

IMAGENS DA APRESENTAÇÃO DOS BOTOS DE ALTER DO CHÃO

BOTO TUCUXI





BOTO COR DE ROSA




14 de setembro de 2012

Prefeitura asfalta praia em Alter do Chão



Trator rasga a praia.
O trator "rasga" a praia para facilitar o acesso de carros e lanchas
No blog Quarto Poder
O blog Quarto Poder flagrou, na manhã desta quarta-feira (12), um crime ambiental cometido pela Prefeitura de Santarém na praia do Cajueiro, na vila de Alter do Chão.
As fotos mostram que a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) executa um serviço de pavimentação da rua Pedro Teixeira, no trecho compreendido entre a travessa Frei Cristóvão até a margem do rio Tapajós.
A primeira camada de asfalto "lambendo" a praia em Alter do Chão
A primeira camada de asfalto "lambendo" a praia em Alter do Chão
Até aí tudo bem, não fosse por um detalhe: os trabalhos avançaram por sobre a areia.
Os moradores estão revoltados com o governo municipal e, em protesto, decidiram colocar cruzes para chamar a atenção dos órgãos ambientais.
O crime ambiental só foi percebido pela comunidade na tarde de ontem (11). Máquinas da Prefeitura foram flagradas colocando aterro na praia próximo ao Centro de Atendimento ao Turismo (CAT). O aterro se estendeu além da rua Pedro Teixeira.

Prefeitura de Santarém desiste de asfaltar praia após protesto de moradores

Obra de pavimentação na praia de Jacundá, em Alter do Chão, região turística de Santarém
Obra de pavimentação na praia de Jacundá, em Alter do Chão, região turistica de Santarém



A rotina de uma praia eleita no passado a melhor do Brasil foi alterada por um acontecimento inusitado: a prefeitura iniciou o asfaltamento de uma rua que desembocaria no rio em Alter do Chão, encobrindo a areia. Após protestos de moradores, a obra foi suspensa.
A vila, no município de Santarém, é um dos principais pontos turísticos do Pará e foi eleita em 2009, pelo jornal britânico "The Guardian", a melhor do Brasil. 



O asfaltamento teve início na praia do Jacundá anteontem de manhã e foi cancelado no mesmo dia pela administração municipal.
Uma camada inicial de asfalto foi aplicada, mas, de acordo com a prefeitura, não chegou até a areia, restringindo-se apenas à rua que dá acesso à praia.
A areia passou, no entanto, por terraplenagem, que prepara o terreno para a aplicação do asfalto. Em sinal de protesto, alguns dos 7.000 moradores fincaram cruzes no local.
O objetivo da prefeitura era fazer uma rampa para facilitar o embarque e desembarque de barcos e lanchas.
Após a repercussão negativa da obra, a prefeita Maria do Carmo (PT) decidiu suspendê-la. Ela diz que não tinha visto o projeto e não sabia que seria aplicado asfalto na praia.
"O problema foi que eu não discuti com a comunidade antes, portanto eu tenho que pedir desculpas mesmo. Graças a Deus que eles [os moradores] fizeram barulho, se não talvez eu tivesse cometido um dos maiores deslizes do meu governo", afirmou.
A prefeita diz que vai estudar agora uma nova forma de construir a rampa, sem aplicação de asfalto. 
Fonte: Folha de São Paulo

9 de setembro de 2012

ENLACE MATRIMONIAL DE RENAN E LARISSA

Aconteceu neste final de semana o enlace matrimonial de Renan e Larissa, a cerimônia foi na igreja de Santo Antonio de Mojuí dos Campos e a recepção foi na sede dos moradores do Loteamento Planalto na comunidade de São José, em Santarém.