8 de junho de 2011

A vez da imprensa


É da vereadora Marcela Tolentino (PDT) e aprovada por unanimidade por seus pares, a proposição de realização da sessão especial que ocorreu na manhã desta terça-feira (07/06/2011), na Câmara de Santarém, para homenagear a Imprensa santarena, pela passagem do Dia Nacional da Liberdade de Imprensa. Momento em que a parlamentar deu conhecimento do conteúdo de um Projeto de Lei de sua autoria, que cria a comenda Radialista Osmar Simões, grande nome dos primórdios do Rádio Santareno, que teve seu histórico lido na sessão, pelo jornalista e Radialista Oti Santos, que conviveu com Osmar Simões. Lembrando Oti de personalidades do Rádio como Claudio Serique, Edinaldo Mota, Santino Soares e Hércio Bemergui, que também tiveram o privilégio de convivo com Osmar Simões.

Na mesa que conduziu os trabalhos a presença do presidente da Casa de Leis, José Maria Tapajós (PMDB); vereadora Marcela Tolentino (PDT); secretário de governo Juca Pimentel, representando a prefeita Maria do Carmo Martins Lima; Augusto Sousa, presidente do Sindicato dos Radialistas; Milton Mauer e Marianna Miléo, coordenadores dos cursos de jornalismo do Instituto Esperança de Ensino Superior (IESPES) e das Faculdades Integradas do Tapajós (FIT), respectivamente e o jornalista Milton Corrêa, assessor de comunicação da Câmara e no ato, representando o Sindicato dos Jornalistas do Estado do Pará.  Na seleta platéia, diretores dos meios de comunicação com atuação em Santarém e trabalhadores da Imprensa local.

Vereadores José Maria Tapajós e Mauricio Corrêa (PMDB); Nélio Aguiar (PMN); Reginaldo Campos (PSB); Valdir Matias Júnior (PV); Evaldo Costa e Carlos Jaime (PT);Evandro Cunha e Marcela Tolentino (PDT); Henderson Pinto (DEM) e Gerlande Corrêa Castro (PP), marcaram presença na sessão. Emir Aguiar (PR); Erasmo Maia (DEM) e Jailson do Mojui (PSDB) justificaram suas ausências, pois estavam representando a Câmara de Santarém, numa sessão especial em Belterra, que discutiu área de litígio entre os Municípios de Mojui dos Campos e Belterra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário