12 de abril de 2011

Acadêmico do curso de Gestão Empresarial da FIT morre em Manaus


Faculdade está de luto com morte de Gilmar de Sousa Cabral

O acadêmico do curso de Administração de Empresa, das Faculdades Integradas do Tapajós (FIT), Gilmar de Sousa Cabral, de 25 anos, morreu ontem em Manaus, após sofrer um acidente no Caminho para o aeroporto.
Segundo informações colhidas por nossa reportagem, Gilmar Cabral participou no sábado de uma corrida de MotoCross e no domingo estava a caminho do aeroporto de Manaus para vir para Santarém, em um veículo dirigido por seu tio, ocasião em que faltou gasolina no veículo e seu tio teve que ir à procura do combustível. Sem perceber o perigo, Gilmar abriu a porta do veículo e saiu, quando um outro veículo passou e o atropelou, jogando-o a vários metros de distância.
Mesmo tendo atendimento médico na hora, Gilmar Cabral não resistiu aos ferimentos e morreu. O corpo do acadêmico da FIT chegará hoje à noite a Santarém, em avião de linha e será velado na residência de seus pais Vilmar de Oliveira Cabral e Geisa de Sousa Cabral, na Rua Piquiatuba – nº 155 – Casa-A, bairro da Esperança. Seus pais são proprietários de uma empresa em Santarém, denominada de Cerâmica Cabral, localizada no referido bairro.
Gilmar de Sousa Cabral era natural de Santarém e estava fazendo o terceiro semestre do curso de Administração de Empresas. Sua morte deixou chocados seus familiares, amigos e colegas de faculdade. O professor Hélvio Arruda, diretor da FIT, disse que a morte de Gilmar chocou a classe acadêmica, pois ele era um jovem estudioso e que tinha muita vontade de concluir seus estudos para ajudar sua família.
O impacto

Um comentário:

  1. Esse jovem fará muita falta para seus familiares, amigos, pois era um rapaz cheio de vida, com muita vontade de viver. Vai deixar muitas saudades!
    Rosalba Sousa, amiga da família

    ResponderExcluir